Globo News - Conta Corrente - 03.05.2011 - 13h30
Setor automotivo registra desempenho recorde no acumulado de janeiro a julho
Publicado em: 02/08/2010 Gerar um RSS desta página para um leitor de notícias e feeds

Os emplacamentos do setor automotivo (automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motos, implementos rodoviários e outros veículos como carretinhas de transporte de jet sky, motos, etc. ) cresceram 8,67% na comparação do acumulado de janeiro a julho de 2010 com o mesmo período de 2009, saltando de 2.694.711 unidades para 2.928.296. Comparando julho com junho, o setor cresceu 12,25%, passando de 411.288 unidades para 461.672. “Em julho, ainda tivemos efeito da Copa do Mundo e o feriado de 9 de julho em São Paulo, mas mesmo assim o mercado evoluiu, mostrando que a tendência é de crescimento”, afirmou Sergio Reze, presidente da Fenabrave, destacando outros motivos para o bom desempenho do setor como a queda nas taxas de financiamento e as diversas promoções realizadas.


Nos primeiros sete meses de 2010, todos os segmentos registraram alta nas vendas. O segmento de duas rodas, que apresentou dificuldades devido a uma análise de crédito mais criteriosa por parte dos bancos, também está se recuperando, com alta de 7, 66% no acumulado do ano.
 

Confira os resultados por segmento:


Automóveis e Comerciais Leves – Os emplacamentos de automóveis e comerciais leves apresentaram evolução na comparação entre os acumulados de 2010 e 2009. Juntos, os segmentos cresceram 6,82%, saltando de 1.667.275 unidades para 1.780.983 unidades. De junho para julho, os emplacamentos dos segmentos aumentaram 15,27%, totalizando 285.299 unidades.


Caminhões – Foram comercializados 85.568 caminhões de janeiro a julho deste ano, contra 55.520 caminhões no mesmo período de 2009, uma alta de 54,12%. De junho para julho, o segmento também apresentou alta, de 13,05%. Foram negociadas 14.688 unidades em julho, ante 12.992 no mês anterior.


Ônibus – As vendas de ônibus evoluíram 27,82% comparando os acumulados deste ano com o de 2009, passando de 12.178 unidades para 15.566 unidades. O resultado de junho para julho também foi positivo. Foram negociadas 2.420 unidades, contra 2.280 unidades, num acréscimo de 6,14%.


Motos – O volume de vendas de motos aumentou 7,66% na comparação entre os acumulados, saltando de 909.432 unidades para 979.115 unidades. Comparando julho com junho, o segmento cresceu 6,69%, saltando de 138.644 unidades para 147.916.


Implementos Rodoviários – O segmento de implementos rodoviários registrou acréscimo de 40,70% comparando o resultado de janeiro a julho de 2010 com o mesmo período de 2009, passando de 25.424 unidades para 35.771 unidades. Comprando o desempenho do mês passado com o de junho, o setor cresceu 17,22%, saltando de 5.106 unidades para 5.985 unidades.


Outros (carretas para transporte de motos, barcos, etc.) – Foram negociadas 31.293 unidades no acumulado de 2010, contra 24.882 unidades no mesmo período do ano anterior, num crescimento de 25,77%.


Divulgação:
MCE- Mazzuchini Comunicação e Eventos S/C Ltda.
Contatos: Rita Mazzuchini (Mtb 22128) ou Solange Suzigan
E-mails: rita@mcepress.com.br;  solange@mcepress.com.br
Tels.: (11) 5582-0049/2577-6533
Agosto/10

Enviar para um amigo CompartilharImprimir